Blog do TRÂNSITOAMIGO

Espaço para a livre manifestação sobre questões do trânsito brasileiro. Criado pela Ong TRANSITOAMIGO funciona como Tribuna Livre para críticas, denúncias e elogios. É também um espaço para a vítima, seus familiares e amigos.

13/5/11

DÉCADA DE AÇÃO PELA SEGURANÇA NO TRÂNSITO

No dia 11 de maio de 2011 teve início em 192 países no mundo a Década de Ação pela Segurança no Trânsito, este movimento possui como principal objetivo reduzir em 50% os números de lesões e mortes causadas pelos acidentes de trânsito.

 

Todos os 192 países que estão participando desta campanha global são signatários da ONU e estão desta forma colocando em prática a resolução 02/10 da organização que previa para este ano o lançamento da campanha, estes países se comprometeram a enviar até o início do mês de maio um documento onde traria as medidas que serão tomadas durante a década da campanha para poder alcançar o objetivo principal.

 

Por ano ao redor do planeta um milhão e trezentas mil pessoas perdem a vida, vítimas dos acidentes de trânsito, e outras milhares sofrem lesões das mais diversas. Mas cabe aqui salientar uma situação mais assustadora, o número supracitado só faz menção às vítimas diretas dos acidentes de trânsito que vão a óbito no local do acidente, pessoas que sofrem ferimentos, mesmo os mais graves, mas são socorridas e morrem logo após o referido, dentro da unidade de resgate, nos locais de pronto-atendimento ou aquelas que ficam horas, dias, meses ou anos em tratamento e morrem devido a complicações diversas, mas que possuem como nexo causal da morte o acidente de trânsito, não entram nestes números e sim nas estatísticas de feridos em acidentes de trânsito e a causa morte é considerada outra. Se pararmos para analisar mais profunda e seriamente esta situação veremos que a violência no trânsito, e seu braço mais letal os acidentes de trânsito, tem que ser considerados como uma pandemia, um problema de saúde pública e ser tratado como tal pelas autoridades competentes.

 

A partir de agora, com um atraso significativo que custou milhares de vidas de cidadãos brasileiros, temos que cobrar das autoridades que as medidas propostas e enviadas pelos órgãos responsáveis em nosso país sejam postas em prática, que o trânsito seja tratado com mais profissionalismo e não entregue ao comando de pessoas despreparadas e que, em muitos casos, assumem o cargo somente por questões políticas. E para cobrá-los temos a mais potente arma que é nosso voto, e como estamos nos aproximando de ano eleitoral temos que cobrar dos candidatos a cargos eletivos planos e projetos sérios, contundentes e coerentes com a realidade de cada município para combater a violência no trânsito, o descaso com o transporte público, a farra das multas aplicadas muitas das vezes por agentes da autoridade de trânsito, municipal ou não, sem o mínimo conhecimento da lei.

 

Mas vou além, antes cobrá-los, temos nós, POVO BRASILEIRO, que entender que trânsito mata, que violência no trânsito não faz diferenciação entre rico ou pobre, preto, branco, amarelo, mulato, índio ou qualquer outra raça, não quer saber de sexo, não escolhe criança, jovem, adulto ou idoso, não escolhe hora ou local, ela pode acontecer com todos nós, pelo fato de não respeitarmos a lei, não respeitarmos o próximo, não respeitarmos a vida. Para que as ações propostas nesta campanha funcionem temos que muito além de cobrarmos atitudes de nossos governantes, termos atitudes, positiva, de compreensão, de carinho, de respeito, de amor ao próximo, entendermos que nem sempre o conhecimento que você possui para colocar um veículo na via, para subir ou descer de um ônibus, pilotar uma moto, andar de bicicleta ou para um ato que até parece simples, mas não é, que é atravessar uma via, talvez o outro que esteja fazendo errado não o faz por imprudência ou negligência, mas por desconhecimento total da forma correta de se comportar preventivamente em trânsito. Temos que entender que trânsito não existe somente quando estamos num veículo, como condutor ou pedestre, trânsito existe o tempo todo e em todo lugar, quando falamos do Código de Trânsito Brasileiro e as Normas Gerais de Circulação e Conduta nele existente não estamos falando somente com condutores de veículos, mas com todos que circulam pelas vias terrestres e sendo assim passa ser primordial para um trânsito mais seguro que todos tenham ao mínimo o conhecimento desta lei e normas. Temos que perceber que na maioria das vezes para evitarmos um acidente de trânsito que pode levar alguém a morte pode ser evitado se abrirmos mão da nossa preferência, e não somente por questões de educação e sim porque a vítima fatal pode ser você.

 

Então a partir de hoje, vamos mudar nossa postura no trânsito, vamos fazer nossa parte mesmo que pequenina, pois toda longa jornada se inicia com um pequeno passo.

 

Todos nós contamos com você.


Rafael I. Ferreira

Consultor Empresarial

criado por fernando_pedrosa    22:02:39 — Arquivado em: trânsito — Tags:, , , , , ,

2 Comentários »

  1. Boa Tarde, Prezado Pedroza,

    Por gentileza incluir meu email na sua newsletter
    gosto das suas informações sobre trânsito e são
    de grande utilidade.

    Grato,
    Nicholson

    Comentário por nicholson — domingo, 15 de maio de 2011 @ 15:48:19

  2. Assistam!

    http://www.youtube.com/watch?v=3wbNDVz3W-8

    Comentário por Renata — terça-feira, 17 de maio de 2011 @ 12:13:37

Deixe um comentário

Report abuse Close
Am I a spambot? yes definately
http://transitoamigo.blog.terra.com.br
 
 
 
Thank you Close

Sua denúncia foi enviada.

Em breve estaremos processando seu chamado para tomar as providências necessárias. Esperamos que continue aproveitando o servio e siga participando do Terra Blog.